A verdadeira liberdade

Há aquelas pessoas que se acham livres pelo fato delas poderem cometer adultério, cometer atos de ganancia, atos de falcatrua etc.
Muito se fala de liberdade sexual, muito se fala “meu corpo, minhas regras”, mas no final das contas será que essa “liberdade” toda que as pessoas pensam ter, é de fato liberdade? Será que as pessoas que têm vários parceiros sexuais são felizes?
Aquele cara que vai para a balada “pegar todas”, geralmente é o tipo de cara que rejeita uma pessoa que o ama demais e que faria de tudo por ele, somente pelo fato dele não querer largar o vício que ele tem de ter caso com várias. E o mesmo vale para mulheres que tem essa mania de ter caso com vários homens.
No final das contas, essas pessoas estão presas nas engrenagens desse mundo, pois isso tudo não é liberdade. Isso tudo é libertinagem. É falta de ordem, é falta de equilibrio na vida. São pessoas que buscam a felicidade nos prazeres da carne de forma desregrada, de forma ilícita. Pensando que vão ter momentos de felicidade. E de fato tais pessoas podem se sentir felizes momentaneamente, mas é uma felicidade ilusória. Pois a verdadeira felicidade vem de dentro. Vem de quando resolvemos decifrar esses desejos, antes que eles nos devorem por completo.
Porque se o indivíduo não decifra o que o devora, ele acaba se tornando escravo de si mesmo, fazendo tudo isso que eu comentei anteriormente: se esbaldando nos prazeres da carne de forma ilícita.
Portanto, o ser humano para ser verdadeiramente livre, deve quebrar suas correntes internas. Afinal, a verdadeira liberdade, é a liberdade interna.

O vídeo a seguir aborda esse tema:

One thought on “A verdadeira liberdade

  1. Lucas

    A modernidade líquida(Zygmunt Bauman) talvez ajude a explicar os relacionamentos(amizade,namoros…),já que as pessoas querem ir em busca da felicidade o tempo inteiro,mesma que seja somente aparente(rede social).

    Ou seja,se o relacionamento está ruim,troca-se de parceiro.Ou então,se na amizade não tem-se o que chamam de “divertimento”,leia-se selfies,baladas etc,as amizades também duram menos.

    Você concorda ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>