DIRETOR DA MARVEL COMICS “O CONSUMIDOR DE QUADRINHOS NÃO QUER DIVERSIDADE NAS HQS…”

Versão feminina e negra de Homem de Ferro; Homem-Aranha negro; adolescente muçulmana como a nova heroína. A Marvel Comics vem ampliando nos últimos anos raças, gêneros e credos dos personagens das HQs, mas, aparentemente, a diversidade não deu resultados.

Recentemente a Marvel anunciou um novo arco chamado, Generations, aonde vai trazer os personagens mortos como Wolverine e desaparecidos como Punho de Ferro. O simples anúncio parece remeter não só uma nova abordagem da Marvel, mas uma tentativa de reverter sua situação com lojistas nos EUA que relatam estarem com poucas vendas dos quadrinhos da Marvel.

Na semana passada a Marvel fez uma reunião com lojistas em NY. Porém a reunião parecia não ser apenas sobre negócios de forma corriqueira, mas sim para discutir os rumos que a Marvel esta tomando na sua linha de quadrinhos. Aonde se revelou que os próprios acionistas estavam insatisfeitos com as vendas e não só isso, também com as abordagens atuais da editora.

Os pontos que foram discutidos durante a reunião foram:

  • Descaracterização dos personagens clássicos, e a inclusão de minorias.
  • Muitos eventos grandes que a todo o momento reiniciam o canone;
  • Pessoas que trabalham na Marvel, a equipe criativa;
  • Politica da editora;

A Imagem abaixo mostra o domínio da DC entre os lojistas.

O vice-presidente de vendas e marketing da Marvel Comics David Gabriel deu uma entrevista aonde questionado sobre alguns dos pontos que ouviu na reunião foi o seguinte:

“Eu não sei se isso é uma pergunta para mim. Acho que essa é uma pergunta melhor para os varejistas que estão vendo todos os editores. O que ouvimos foi que as pessoas não queriam mais diversidade. Eles não queriam personagens femininas lá fora. Foi o que ouvimos, acredite ou não. Eu não sei se isso é realmente verdade, mas é isso que vimos nas vendas.”

“Vimos as vendas de qualquer personagem que fosse diverso, qualquer personagem que fosse novo, nossos personagens femininos, qualquer coisa que não fosse um personagem principal da Marvel, as pessoas estavam virando o nariz contra. Isso foi difícil para nós, porque tínhamos muitas idéias frescas, novas e excitantes que estávamos tentando e nada de novo realmente funcionou…”

O perfil mais liberal adotado pela Marvel parece ser um “fracasso” até o momento, com o domínio da DC entre a preferencia dos lojistas.

E você, o que acha disso?

6 thoughts on “DIRETOR DA MARVEL COMICS “O CONSUMIDOR DE QUADRINHOS NÃO QUER DIVERSIDADE NAS HQS…”

  1. Alef Castro

    Até campanha contra Trump essa descarada fez.

  2. Josinei De Souza

    O povo está de saco cheios desse vitimismo das “minorias”.
    Querem heróis normais dos quadrinhos e não querem ser obrigados a engolir modinha só pq as “minorias” estão reclamando que não dão espaço para eles.
    Desde que foi lançado o homem aranha sempre foi branco e o Luke Kage sempre foi negro, mas insistiram em mudar vários heróis só pq os mimisentos viviam reclamando por não terem “uma parcela de heróis da classe deles” https://uploads.disquscdn.com/images/718de370521a5b56467bf586486ce8799a0fd10258bbab877801fd281c7453c5.jpg
    Agora vem a Marvel tirar vários heróis e heroínas do armário só pq tá na moda ser gay!
    Continuem acompanhando modinhas que logo logo a Marvel quebra!
    O exemplo está estampado, a DC não seguiu modinhas e se manteve firme com seus herois tradicionais, o resultado vc percebe nas bancas.

  3. Italo Hanzer

    “..Foi o que ouvimos, acredite ou não. Eu não sei se isso é realmente verdade, mas é isso que vimos nas vendas.”
    Sim acredito sim! As vendas mostram que é verdade. Idiotas!

  4. Gustavo M. Queiróz

    Bem feito. O problema não é abordar tais temas. Existem vários quadrinhos excelentes que o fazem com muito mais bom gosto e talento do que a Marvel. Como exemplos temos Welcome Back, Midnighter & Apollo e Insexts.

    O problema é deturpar a obra original ao ponto das pautas esquerdistas serem o começo, meio e fim das histórias, e não apenas mais um elemento. Que sirva de lição para a Marvel e para a Bioware.

    O que as pessoas querem são boas histórias não doutrinação esquerdista.

  5. Kuroi Sevahc

    acho simplesmente óbvio que isso iria acontecer, transformar um conteúdo totalmente mainstream em um conteúdo completamente voltado para minorias e cheio do “politicamente correto”, independente de ideologias a indústria tem de voltar seus esforços no que a maioria quer consumir, exemplo tem 100 mulheres e 2 homens numa cidade ai chega alguém e abre uma fabrica de cuecas que produz 50 unidades por dia, mas só tem 2 homens pra consumir logo a fabrica vai ter sobra de mercadoria nas prateleiras, estragar uma obra mainstream pra agradar uma pauta de minorias comercialmente falando é uma aposta idiota e com prejuízo garantido… O mais irritante disso é a completa falta de respeito da Marvel com os fãs de longa data que tornaram a marvel no que ela é hoje em dia, e tentar enfiar goela abaixo esse “politicamente correto” nojento no consumidor.

  6. Gustavo M. Queiróz

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>