Mais um passo para destruição da família tradicional.

Compartilhe!

“Família é a base da sociedade”. Uma frase verdadeira e atemporal.

É fato inegável que sem a família a sociedade não existiria,pois “casais do mesmo sexo” não reproduzem!

Existe uma agenda maligna sendo imposta no Brasil e no mundo,com a finalidade de acabar,eliminar a família tradicional.

Grupos foram inseridos no Brasil como tentáculos dessa agenda ideológica para ajudar na desconstrução da sociedade,como por exemplo:

  • Feminismo;
  • Ideologia de gênero;
  • Ativismo gay.

São ramificações com um único foco: A criação de uma nova sociedade! (Uma sociedade fadada ao fracasso).

Essa semana o CNJ- Conselho nacional de justiça,baixou uma norma relativa ao modelo de certidões de nascimento a serem emitidas por cartórios de registro civil,passa a ignorar o conceito de FAMÍLIA,ou seja união entre homem e mulher conforme está na Constituição Federal no Art.226.

Os campos destinados á identificação do pai e da mãe nos registros de nascimento podem deixar de existir!!!

Sabe qual foi a justificativa para esse absurdo?

Identificar pai e mãe na certidão,causa constrangimento a “casais do mesmo sexo ou a famílias poliafetivas”

É por isso que querem colocar ideologia de gênero nas escolas,para que as crianças sejam doutrinadas hoje e aceitem com facilidade na vida adulta que a família tradicional é “coisa de careta” que ser “moderninho” é ter uma família poliafetiva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>